Educação Financeira para todos

06 de junho de 2011

São Paulo – 06 de junho de 2011 – A celebração do Dia dos Namorados é um bom momento para que os casais avaliem alguns aspectos importantes relacionados às finanças. O primeiro passo é deixar claro a importância da comunicação aberta sobre o tema, já que, às vezes, este assunto é um tabu e o casal nem se atreve a conversar sobre finanças.

O passo seguinte é entender que, quando as pessoas estão em uma relação, é necessário ter em mente que alguns gastos são essenciais para satisfazer as necessidades e gostos do casal. O que nem todos sabem, entretanto, é que com um pouco de organização e planejamento, é possível aproveitar sem estressar a saúde financeira.

É por isto que o Finanças Práticas (www.financaspraticas.com.br) listou algumas dicas para incluir as despesas do casal na planilha de gastos, sem estourar o orçamento:

  • Passeios. Sair com o seu parceiro e levá-lo em algum lugar para almoçar, jantar ou dançar, por exemplo, envolve despesa com transporte, estacionamento, ingressos em locais ou espetáculos, despesas cm alimentação, além de eventuais lembranças. A recomendação aqui é que você detalhe muito bem cada um desses gastos, que certamente serão repetidos semanalmente ou mês após mês, e podem se tornar mais representativos em seu orçamento quando se está em um relacionamento.
  • Presentes e comemorações. A troca de presentes de aniversários entre o casal em datas especiais não é um gasto fixo, já que só costuma ocorrer duas ou três vezes por ano. Avalie também se você deverá considerar no orçamento anual presentes para os familiares de seu parceiro em datas como aniversários e Natal.
  • Viagens. As viagens nas férias ou fins de semana podem tornar-se significativas para o orçamento do casal, por isso, é importante definir claramente as datas nas quais será possível fazer esse tipo de gasto, já que implica em transporte, hotéis, comidas e muitas outras despesas.
  • Gastos diários. Os gastos diários da relação podem tornar-se o fantasma financeiro que não se vê, mas que assusta todo final de mês. Considerá-los, por menor que sejam, é o que ajudará a ter melhor controle do orçamento.
  • Futuro. Se vocês estão pensando em casar ou viver juntos, podem considerar como ferramenta para viabilizar esse sonho um fundo de poupança, uma conta conjunta ou até um financiamento. Mas não se esqueçam, tudo deve ir para a planilha!

Manter uma economia estável exige um esforço conjunto e, especialmente, a organização e determinação de prioridades. Os casais também podem aproveitar promoções e sites de compras coletivas ou reconsiderar o número de vezes que irão jantar fora por mês – combinando alguns jantares em casa, à luz de velas, por exemplo.

Outra dica é sempre ficar atento se o local, por exemplo restaurante, se encaixa em seu orçamento. Sempre que possível, considere alternativas e opções menos onerosas, como visitas a museus, bibliotecas, jardins e passeios ao ar livre. Se o passeio for durante o dia, outra forma de economizar é levar água e sanduíches para um piquenique.

A chave de tudo é a comunicação, divida seus planos e busque o balanço entre o que cada um quer e pode pagar. Uma relação pode ser ainda melhor com uma boa gestão do dinheiro e dos recursos do casal.

Para ter acesso a dicas de como economizar na compra do presente ou quais são seus direitos na hora da troca acesse www.financaspraticas.com.br.

Sobre o Finanças Práticas
O "Finanças Práticas" é o programa de educação financeira da Visa, desenvolvido globalmente em 10 línguas e divulgado em mais de 30 países. No Brasil, o programa foi totalmente adaptado à realidade local para atender às necessidades e expectativas do consumidor brasileiro. A Visa acredita que, dentro de sua estratégia de responsabilidade social, poderá contribuir com a comunidade brasileira por meio do "Finanças Práticas".

O programa Finanças Práticas tem como objetivo oferecer acesso a informações sobre finanças pessoais, para ampliar e desenvolver o conhecimento, de maneira didática e dinâmica. Veja mais www.financaspraticas.com.br, www.facebook.com/financaspraticas ou siga @financapratica no Twitter.

Sobre a Visa.:
A Visa é uma companhia global de tecnologia de pagamento que conecta consumidores, empresas, instituições financeiras e governos em mais de 200 países e territórios com uma moeda digital rápida, segura e confiável. Esta moeda digital tem o suporte de uma das redes de processamento mais avançada do mundo – a Rede Visa – capaz de processar mais de 20 mil transações por segundo, com proteção contra fraudes para os consumidores e garantia de recebimento aos comércios. A Visa não é um banco, não emite cartões, não concede crédito ou fixa juros e taxas aos consumidores. As inovações da Visa permitem às suas instituições financeiras clientes oferecerem mais opções aos consumidores finais: pagar na hora com o débito, adiantado com o pré-pago ou depois com os produtos de crédito. Para mais informações, visite www.visa.com.br.

Contatos VISA:
Fernanda Francisco - ffrancis@visa.com - (11) 2102-0077
Sabrina Sciama - ssciama@visa.com - (11) 2102-0021

# # #

Compartilhar


Contatos para imprensa:
Fernanda Francisco (11) 2102-0077

Compartilhar