Educação Financeira para todos

08 de maio de 2017

Dicas para trocar de carro: quais cuidados eu devo ter?

Tomada a decisão de troca de carro, o primeiro passo é conter a ansiedade, para evitar a compra por impulso. Nem sempre as ofertas mais atrativas são o que parecem. Com calma e atenção redobrada, é possível fazer ótimos negócios, com segurança.

Comprar carro novo ou usado?
Na dúvida entre comprar um carro zero ou usado? Na primeira opção, a depreciação do veículo é maior nos dois primeiros anos (até 15%), estabilizando nos anos seguintes (em torno de 5%). Por outro lado, se o carro antigo for dado como parte do pagamento, as lojas tendem a pagar melhor na troca por um zero.

Para saber o valor de mercado de um carro, além de realizar a consulta tabela FIPE, faça também uma pesquisa de preços médios em sites especializados. Modelos fora de linha desvalorizam e chamam a atenção pelo baixo preço, porém são mais difíceis de vender.

Pesquise antes o preço do seguro, consumo de combustível, custos de manutenção, IPVA e multas, sobretudo no caso dos usados. No Brasil, a média é de 15 mil km rodados por ano. A partir de 60 mil km, começam as manutenções mais frequentes.

Dicas para trocar de carro: quais cuidados eu devo ter?

Como avaliar veículo usado?
Faça um teste drive para sentir desempenho, conforto e checar o funcionamento dos opcionais. Leve um mecânico de confiança (ou um amigo) para fazer uma avaliação do veículo. Observe cada detalhe: quilometragem em relação ao estado do veículo, pneus, freios, motor, lataria etc.

Também é possível pedir a vistoria veicular para transferência, pois o laudo cautelar feito por um técnico mostra problemas que podem estar “maquiados” e que são imperceptíveis aos menos experientes, como saber se o carro foi batido, por exemplo.

Procedimento para compra de veículo usado
Solicite o certificado de registro de veículo para checar sua procedência junto aos órgãos de trânsito. Avalie sinistros, impostos atrasados, multas em aberto etc. Muitas seguradoras negam a cobertura total de carros recuperados de sinistro e leilão.

Por fim, pesquise as taxas de financiamento de veículos em diferentes instituições financeiras. Utilize simuladores disponíveis na internet e compare com os valores apresentados pelo vendedor. Entender como o cálculo é feito é valorizar e proteger o seu dinheiro.

Compartilhar


Compartilhar