Educação Financeira para todos

10 de fevereiro de 2017

As regras para pagar boletos em atraso vão mudar?

Sim. A Febraban (Federação Brasileira de Bancos) anunciou recentemente algumas mudanças, por meio da Nova Plataforma de Cobrança, que visa promover maior comodidade e segurança no pagamento de boletos bancários.

A implantação, inicialmente prevista para março, foi adiada para começar em julho desse ano, para garantir que o sistema esteja integrado de fato até lá.

Em função do grande número de boletos em circulação no Brasil – por ano, cerca de 3,5 bilhões de documentos emitidos – a Febraban explica que a validação por meio da Nova Plataforma de Cobrança será realizada em etapas.

Dessa forma, a partir de julho, os boletos de valor acima de R$ 50 mil passarão a ser validados pela Nova Plataforma. Ao longo dos meses seguintes, o valor dos boletos vai diminuindo até o término da implantação, cujo prazo segue inalterado: dezembro de 2017, conforme cronograma abaixo:

  • Boletos acima de R$ 50.000 - 10/julho/2017
  • Boletos entre R$ 49.999,99 e 2.000,00 - 11/setembro/2017
  • Boletos entre R$ 1.999,99 e 500,00 - 09/outubro/2017
  • Boletos entre R$ 499,99 e 200,00 - 13/novembro/2017
  • Boletos abaixo de R$ 200,00 - 11/dezembro/2017

Conheça as mudanças para pagamento dos boletos bancários em atraso

Boletos em atraso
A Nova Plataforma de Cobrança trará benefícios para o consumidor e para a sociedade, como maior facilidade no pagamento de contas vencidas, além de evitar o envio de boletos não autorizados.

Além do pagamento após vencimento em qualquer agência bancária participante, a Nova Plataforma reduzirá inconsistências de dados, evitará pagamento em duplicidade e permitirá a identificação do CPF do pagador, facilitando o rastreamento de pagamentos e redução das fraudes, fonte de preocupação permanente para todo o sistema bancário.

Para saber mais sobre a Nova Plataforma de Cobrança, acesse:
https://cmsportal.febraban.org.br/Arquivos/documentos/PDF/Novaplataformacobranc%CC%A7a.pdf

Compartilhar


Compartilhar