Educação Financeira para todos

Início de ano, hora de pensar na compra do material escolar. A primeira regra para proteger seu orçamento é comparar preços. Pesquisa realizada pelo Procon-SP revela diferença de preço de até 457% para um mesmo produto.

Atenção à compra do material escolar

Antes de sair às compras, dê uma boa olhada na lista de material, avaliando os itens que vocês já possuem em casa. Produtos caros como mochila, lancheira, estojos e fichários podem bem ser reaproveitados de um ano para outro, ou comprados "fora de época".

Verifique se há mesmo necessidade de providenciar tudo agora; tire suas dúvidas na escola. Hoje, há tantas listas (livros, artes, mecatrônica etc.), que vale perguntar se existe uma ordem de prioridade, um cronograma de uso.

Confira as dicas para economizar dinheiro e fazer boas compras:

  • separe, na lista, o que pode ser comprado em maior quantidade. Em grupo, você consegue melhor preço e bons descontos.
  • evite horários de pico nas lojas, para poder realizar sua compra com tranquilidade.
  • se possível, vá sozinho à maior parte das compras (pais podem deixar apenas alguns itens para os filhos escolherem) e controle a pressa. É preciso ter paciência para pesquisar, comparar preços.
  • evite a empolgação, ao ver tanta gente comprando. O segredo é restringir-se à lista e a quanto pode gastar (fazendo orçamento prévio).
  • tenha cuidado com as grifes: o produto mais caro, com o personagem mais famoso, não é necessariamente o melhor.
  • personalize o material do seu filho, encapando livros e cadernos de uma maneira diferente, colando adesivos etc. Assim, você compra itens mais simples e mais baratos, sem perder a graça e o capricho!
  • ensine seu filho a valorizar o que tem, a cuidar do que foi comprado, reaproveitar sempre que possível e a doar também o que não vai usar mais.
  • negocie sempre descontos e formas de pagamento.

Parcelamento
Na hora do parcelamento, além de ficar atento à cobrança de juros, é importante tomar alguns cuidados:

  • o fato de parcelar a compra não significa que você deva gastar mais. Limite-se aos itens da lista e economize!
  • antes de fechar a compra, verifique se o valor dessas parcelas cabe realmente no seu orçamento.

Lembre-se!
Segundo o Procon, na lista de material, as escolas não podem exigir a aquisição de qualquer material escolar de uso coletivo (materiais de escritório, de higiene ou limpeza, por exemplo), conforme determinação da Lei nº 12.886 de 26/11/2013.

Além da lista de papelaria, há os livros e o uniforme! Sendo assim, economize o máximo o que puder. O ano está apenas começando!

Atenção à compra do material escolar

Compartilhar