Educação Financeira para todos

Hoje em dia, nem sempre você consegue garantir um desconto no pagamento à vista, por melhor que seja a sua habilidade de negociar. Ao invés disso, os varejistas oferecem a possibilidade de pagamento parcelado sem juros.

Cuidado com o parcelamento

A razão para isso é simples: para o consumidor, parece mais vantajoso o fato de comprar algo mais caro, porém em suaves prestações que não afetarão tanto seu orçamento, do que se desfazer de uma alta quantia de uma única vez...

Mas, pense da seguinte forma: se você tiver que pagar à vista um celular de R$ 1.000, você nem sempre se planeja. Mas, se puder parcelar em dez vezes, talvez não se importe de comprar o aparelho por R$ 1.500 (ou seja, 50% mais caro), pois a prestação (R$ 150) ainda caberá no seu orçamento.

A menos que você mantenha um controle bastante bom dos seus gastos, o acúmulo de compras parceladas pode, sim, levá-lo ao descontrole financeiro. Por isso, fique atento às reais condições de pagamento!

Planeje a realização dos seus sonhos
Isso não significa abrir mão de seus sonhos, mas sim organizar-se para realizá-los. Afinal, para comprar alguns produtos, geralmente mais caros, parcelar o pagamento acaba sendo a opção.

Portanto, o caminho é estar consciente de que está assumindo um compromisso que afetará o seu orçamento, verificando com cautela se suas finanças comportam mesmo essa decisão.

Por mais que os juros tenham caído, eles ainda seguem elevados para o consumidor, de forma que financiar bens de consumo, sem avaliar bem as condições, não é recomendável. Ao invés de pagar a prestação, você pode poupar o valor e se programar para comprar o bem daqui a alguns meses.

Cuidado com o parcelamento

Compartilhar